© WIREIMAGE / John Shearer

© WIREIMAGE / John Shearer

Segundo o diretor clínico do hospital, o realizador de 103 anos de idade deu ontem entrada no hospital de Gaia por volta das 16h00 com insuficiência cardíaca e respiratória. Apesar do diagnóstico reservado, o estado de saúde do realizador está evoluir favoravelmente.

Manoel de Oliveira, segundo os médicos do hospital, sofre de uma patologia cardíaca grave resultado de uma doença valvular e coronária, mas a situação tem vindo a agravar-se na última semana tendo o realizador estado pela segunda vez no hospital nos últimos 3 dias.

O realizador nasceu no dia 11 de dezembro de 1908 no Porto, é considerado o realizador mais velho do mundo e também o mais ativo. Autor de mais de 30 longas-metragens, Manoel de Oliveira preparava-se para lançar “O Gebo e a Sombra”, que filmou no verão do ano passado em Paris e vai ser apresentado no próximo mês de Setembro no Festival Internacional de Cinema de Veneza.

O realizador esteve recentemente em Guimarães para filmar uma curta-metragem para a Capital Europeia da Cultura e está atualmente a preparar uma produção luso-brasileira, “Igreja do Diabo” uma adaptação do livro de Machado de Assis.

Segue-nos no Facebook / Twitter