actualizado: 31/03/2012 | de FCH/UCP - Margarida Marques e Patrícia Oliveira
Enriquece o teu currículo

Enriquece o teu currículo



Enriquece o teu currículo - 1 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
seguinte
anterior
anterior
  • Enriquece o teu currículo - 1 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
  • Estudos extracurriculares ou hobbies - 2 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
  • Informática - 3 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
  • Experiências Profissionais - 4 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
  • Línguas - 5 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
  • Intercâmbios - 6 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
  • Estágios - 7 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
  • Voluntariado - 8 (© © Margarida Marques e Patrícia Oliveira)
seguinte
© Margarida Marques e Patrícia Oliveiramostrar imagens
anterior1 de 9seguinte
partilhar

Se queres construir uma carreira tens de estar preparado para a chegada das oportunidades. Mesmo que ainda não tenhas definido bem o que queres fazer daqui a uns anos, há várias coisas que podes acrescentar à tua formação pessoal que serão valiosas para ti e para a tua entrada no mercado de trabalho.

A escolha de uma profissão deve assentar numa autoanálise. De início, temos alguma noção das áreas de que gostamos e nas quais gostávamos de vir a trabalhar no futuro. Mas o fator gosto não chega para definir o futuro, apesar de nalguns casos poder ser decisivo no empenho com que te vais dedicar a cumprir os teus objetivos.

É importante que analises as tuas capacidades e a tua personalidade, de forma a definires o que é que tens a dar a cada profissão de que gostas e o que é que ela te pode dar. Esta fase pode durar muito tempo. Provavelmente não tens de decidir já o que queres fazer mas é importante que te orientes numa direção, ainda que esta seja um pouco vaga. Finalmente existem várias coisas que podes fazer para valorizares não só a tua oferta junto ao mercado de trabalho mas também aumentares a qualidade da tua educação. Lembra-te do que Nietzsche disse “quem a si próprio não obedece será liderado".

Bom estudo!

________________________________________

Conteúdo foi produzido por alunos da cadeira de Comunicação Digital do curso de Comunicação Social da Universidade Católica Portuguesa, ao abrigo do protocolo entre a Universidade e o MSN Portugal. Este artigo foi produzido por: Margarida Marques e Patrícia Oliveira.

6Comentários
14 mai, 2012 12:50
avatar
 Concordo plenamente, tenho 52 anos e se tivesse alguem que me dissesse isso aos 13 anos em vez de dizer, queres estudar ou trabalhar com o pai na loja? Possivelmente hoje seria alguem com  um presente estruturado e sentir-me-ia realizada. Pelo contrário ainda pro****ro o meu lugar na sociedade há 5 anos conclui o 9º ano, há três o 12º,  tenho formação de tecnica de animação e informação turística com experiência em animação ****ltural mas de que me serve se pela minha idade nem leêm meu ****rri****lum, apesar do meu ar jovial e alegre, olham 1º para os papeis e depois para mim. Boa sorte para todos os jovens do planeta.
10 jun, 2012 13:54
avatar
Querer é esperança,
Fazer é força.
Valor é preciso.
Se todos queremos trabalhar e nos impedem...
Se nem todos pensam em ter a mesma força...
Se ninguém nos dá valor...
Todos não sabemos tudo e cada um nasce para o que nasce e que gosta, só assim leva uma vida justa para cada um humano...
Quem não vê assim não tem força nem vontade...
Se não nos dão valor a quem trabalhou e lutou pelo futuro, de todos e agora estes querem mandar no futuro foram estes que o estragaram... 
-Por isso eu obedeci a mim próprio servindo os outros também, agora ser liderado por "****s", (são aqueles que têm muitas ideias e mentalidades em que devemos ser todos inteligentes como o Sr. Sócraste, engenheiro ou não a questão está à vista tanto como os resultados, posso não ser engenheiro mas sei fazer o que nem todos sabem e o  melhor é que não sou levado por ninguém porque ainda sei o que quero. Isto se me deixarem.
25 mai, 2012 11:31
avatar

O Sr.pipocas22 tocou num ponto muito sensível....o "despreso" para os ****rri****los das pessoas de uma certa faixa etária.

No nosso país vivemos isso infelizmente...ou sao muito novos e sem experiencia para trabalhar ou são um pouco mais velhos para certos cargos no mercado de trabalho.

A todos Boa Sorte !

24 mai, 2012 15:23
avatar
Gostei desta da autoanalise,mesmo porque neste momento estou a enfrentar um desafio que exije autoanalise.Obrigada pela materia.
31 jul, 2012 10:54
avatar
Hoje ja ñ se faz sentir os ****rri****lum, mas é necessário actulisarmos sempre e fazer sempre á entrega nos postos de serviço, porque um dia pode ser sua vez de xtar empregado no seu local de sonho puriço quem é jovem como eu ñ perde as esperança. apesar q ñ xta facil o nosso mercado de emprego, mas ñ vamos perder a paciência...
Denunciar
Por favor ajude-nos a manter uma comunidade mais saudável, reportando qualquer comportamente ilegal ou inapropriado. Se acreditar que a mensagem viola oCódigo de CondutaPor favor utilize este formulário para notificar os moderadores. Eles investigarão o seu relatório e tomarão as medidas adequadas. Em caso de necessidade, as devidas entidades reguladoras serão informadas sobre qualquer actividade ilegal.
Categorias
Limite de 100 Caracteres
Tem a certeza que quer apagar esta mensagem?

o msn recomenda...

estudo